Voltz assume a 7ª posição no ranking das marcas que mais vende no Brasil

Compartilhar

A Voltz Motors, uma startup pernambucana de motos e scooters elétricas, assumiu a 7ª posição no ranking das marcas que mais vende motos e scooters no Brasil.

De acordo com a Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), a startup ocupa o sétimo lugar em participação de mercado, com os resultados das vendas em janeiro e fevereiro de 2022.

A scooter elétrica Voltz EV1 Sport foi o destaque da marca em fevereiro com 465 unidades emplacadas, o melhor mês de vendas do modelo desde que começou a ser vendido no Brasil.

Já a moto elétrica Voltz EVS emplacou 57 unidades e está entre os dez modelos mais vendidos na categoria City, de acordo com a entidade.

Com isso, a Voltz ocupa a 7ª posição no ranking das fabricantes em fevereiro de 2022, com 0,51% de participação de mercado, à frente de marcas como Haojue, Dafra, Triumph, Harley-Davidson, Ducati, Suzuki, KTM e Kymco, entre outras.

O resultado confirma que o brasileiro está se interessando mais por modelos elétricos, que possui um custo por km rodado menor que os modelos à gasolina, além de não emitir gases poluentes e quase nenhum ruído.

Um dos obstáculos para um crescimento mais rápido do setor é o preço alto e a falta de incentivos fiscais. Mas a Voltz está conseguindo comercializar os modelos com preços extremamente competitivos.

voltz ev1 sport scooter elétrica

Pegando a moto EVS como exemplo, ela possui um preço público sugerido de R$ 19.990 com uma bateria de 33 Ah, suficiente para uma autonomia de até 120 km. Já uma Honda CG 160 Titan tem preço sugerido de R$ 13.780 mas preço médio (tabela Fipe) de R$ 16.717. Portanto, a diferença já não é tão grande.

Outro exemplo é a scooter elétrica EV1 Sport, que sai por a partir de R$ 14.990 com uma bateria de 35 Ah (até 100 km de autonomia). Uma Honda PCX 150 ABS possui preço sugerido de R$ 15.590 mas preço médio Fipe de R$ 18.500. Neste caso, a EV1 consegue ser mais competitiva.

Enfim, é muito animador ver alguns modelos elétricos já figurando entre os mais vendidos no Brasil. A tendência é de mais crescimento, já que o preço dos combustíveis está num patamar muito alto, e pode aumentar ainda mais com o recente aumento do petróleo devido à guerra na Ucrânia, o que coloca os modelos elétricos em vantagem.

Para mais informações sobre os modelos Voltz, acesse o site https://voltzmotors.com/.

fotos: divulgação

Compartilhar

Marcelo Souza

Autor, Editor e Administrador do site MotoNews Brasil, formado em Ciências Contábeis, apaixonado por motos e tecnologia.

Logo created by DesignEvo logo maker