MotoGP | Petronas Yamaha SRT deixa de existir no final de 2021

Compartilhar

A equipe Petronas Yamaha SRT na MotoGP divulgou que deixará de existir no final de 2021, tanto na categoria rainha como na Moto2 e Moto3.

De acordo com eles, todas as atividades de corrida ou não serão concluídas no final da campanha atual, e que o chefe de equipe e o diretor continuarão na MotoGP a partir de 2022, mas em outra ‘entidade’.

Esta nova entidade será anunciada no Grande Prêmio de San Marino, em Misano, em 16 de setembro, ou seja, outra equipe deve assumir as operações.

A equipe Petronas Yamaha SRT é formada por Franco Morbidelli e Valentino Rossi, este último já anunciou sua aposentadoria também para o final de 2021.

valentino rossi e franco morbidelli petronas yamaha srt 2021

Razlan Razali: “A equipe vai correr a última corrida em Valência e agradecemos a toda a nossa equipe, pilotos, fãs e parceiros pelo apoio. Em particular, agradecemos a Petronas, com quem nada disso teria sido possível. Juntos, levamos a marca Petronas e a experiência da Malásia para a vanguarda da grade e capturamos uma exposição e cobertura de marca sem precedentes, superando exponencialmente todas as expectativas.”

Johan Stigefelt: “Obrigado à Petronas pela oportunidade dada nos últimos três anos e por tudo que conquistamos juntos. Estou triste por não termos podido continuar este projeto, pois estabelecemos uma grande equipa nas três categorias do MotoGP em tão pouco tempo e a nossa visão era que este fosse um projeto a longo prazo. Trabalhamos com um pessoal incrível, pilotos fantásticos e contamos com o apoio de grandes parceiros e fãs maravilhosos e oferecemos nossa sincera gratidão a todos eles.”

“Obrigado também ao Circuito Internacional de Sepang, com quem a relação remonta a 2015. Juntos, crescemos de uma pequena equipe de dois pilotos na Moto3 para uma das maiores equipas que alguma vez existiram no paddock de MotoGP. Tenho orgulho de ter feito parte dessa jornada juntos e sem o Circuito Internacional de Sepang isso não teria sido possível.”

“Para o futuro, temos um projeto novo e estimulante. Continuamos no paddock na MotoGP com novas camisas para vestir. Mas voltaremos a isto depois; por enquanto, temos as corridas restantes da temporada de 2021 para correr o mais forte possível. Obrigado a todos.”

A MotoGP retorna neste fim de semana, 29 de agosto, com o GP da Grã-Bretanha, no Circuito de Silverstone. No Brasil, a transmissão acontece ao vivo nos canais FoxSports (que agora faz parte do grupo ESPN).

fotos: divulgação

Compartilhar
Logo created by DesignEvo logo maker