CotidianoNotícias

Venda de Motos Dispara no Brasil em Março de 2024

Compartilhar

Em um cenário que parece saído diretamente de um filme de ação, as vendas de motocicletas no Brasil atingiram níveis extraordinários em março de 2024.

Segundo a Fenabrave – a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores – um total de 152.670 motos, scooters e ciclomotores foram emplacados nesse mês, deixando para trás os números de fevereiro de 2024, quando 136.292 unidades foram vendidas.

E olha que isso já era incrível! Comparado ao mesmo período do ano anterior (jan-mar24 vs jan-mar23), o aumento é ainda mais alucinante, representando um crescimento de 21%!

Mas o que fez esse mercado de duas rodas decolar tão alto? Bem, de acordo com os especialistas da Fenabrave, há uma combinação de fatores que estão impulsionando essa montanha-russa de sucesso.

Primeiramente, houve um aumento dos serviços de entrega, e muita busca por um transporte individual econômico. Além disso, neste início de 2024, o crédito começou a dar sinais de melhora e colabora para essa alta expressiva.

Quando olhamos para as marcas que estão liderando esse aumento em março, contra fevereiro, a Bajaj é a campeã indiscutível, com um crescimento de 94% em comparação com fevereiro de 2024. Mas não podemos esquecer de mencionar a Royal Enfield, que cresceu 44%, a Triumph, com 35%, e a Mottu, com crescimento de 34%.

honda xre 190 abs 2024

No entanto, como em qualquer boa narrativa, há sempre reviravoltas. Algumas marcas tiveram que enfrentar desafios, experimentando uma queda nas vendas em março.

Entre elas, destacam-se a Suzuki, com uma redução de 20%, seguida pela Bull (-17%), e a Dafra (-10%). Mas, no grande esquema das coisas, essas são apenas as curvas emocionantes em uma jornada repleta de adrenalina para o setor de motocicletas no Brasil.

Com um início explosivo em 2024, parece que o céu é o limite para os entusiastas das duas rodas neste país tropical. A Honda continua na liderança com 71% de participação de mercado no acumulado, contra 17% da Yamaha.

Enfim, a Fenabrave projeta que em 2024, a venda de motos novas irá ultrapassar 1,83 milhão de unidades, ou seja, crescimento de 16% sobre os emplacamentos de 2023.

fonte: Fenabrave

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo created by DesignEvo logo maker