MotoGP | Quartararo vence o GP de Doha; Zarco é 2° e Jorge Martin o 3°

Compartilhar

Fábio Quartararo, piloto da Monster Energy Yamaha, na MotoGP, fez uma ótima corrida, arriscando tudo, e venceu o GP de Doha, neste domingo.

Mas não se engane, o francês não teve vida fácil. Ele largou da 5ª posição, teve que lutar muito durante a corrida, mas perto do fim, arriscou uma ultrapassagem para cima do então líder, Jorge Martin (Pramac Racing Ducati), segurou nas voltas finais e deu mais uma vitória para a Yamaha, nesta temporada.

Quartararo foi um dos destaques da corrida. Outro, sem dúvida, foi o novato Jorge Martin, que largou da pole position. A largada do espanhol foi muito boa, e ele permaneceu na frente, quase toda a corrida. Foi faltando apenas algumas voltas para o fim, que ele sofreu a ultrapassagem de Quartararo. Na última volta, ainda perdeu a segunda posição para seu companheiro, Johann Zarco. Ele poderia ter devolvido, mas assim não fez. Em entrevista após a corrida, disse que se fosse outro piloto, teria devolvido a ultrapassagem. Que talento de piloto está despontando!.

Zarco, então, garantiu o segundo lugar no pódio e, com isso, assumiu a liderança do campeonato. O francês fez uma estratégia de não forçar muito, e decidiu permanecer atrás de seu companheiro a maior parte da corrida. No fim, conseguiu a posição que lhe daria a liderança, e saiu muito feliz com isso.

Quem demonstrou um apetite voraz por alguma posição no pódio foi Alex Rins (Team Suzuki Ecstar), que tentou de tudo, mas fechou apenas em quarto, após uma intensa batalha com Maverick Viñales.

quartararo doha motogp

O piloto da Yamaha não conseguiu realizar uma boa largada, saindo da 3ª posição. Na primeira volta, estava em décimo, o que prejudicou totalmente sua corrida. Viñales conseguiu recuperar uma parte, mas perdeu muito tempo no tráfego e teve que brigar pela quarta posição. No fim, depois de muito lutar, fechou em quinto, e um pouco desapontado. Ainda assim, está empatado no segundo lugar no campeonato, ao lado de seu companheiro, com 36 pontos.

A primeira Ducati oficial apareceu somente em sexto, com Francesco Bagnaia, seguido por Joan Mir, da Suzuki, Brad Binder, da KTM e seu companheiro, Jack Miller, em nono. Miller teve um “encontro” com Mir, e quase o jogou para fora da pista, na saída da última curva para a reta principal, faltando apenas algumas voltas para o fim. Após análise dos comissários, nenhuma punição foi aplicada.

E para fechar, a décima posição foi de uma equipe que está claramente mostrando uma evolução, a Aprilia. Aleix Espargaro fez uma ótima corrida, a maior parte do tempo ocupando a quarta posição. Mas no fim, após alguns erros, fechou em décimo, a apenas 5.3 segundos do vencedor.

Os fãs de Valentino Rossi, agora piloto da Petronas Yamaha SRT, ficaram um pouco mais triste, pois o veterano terminou apenas em 16°, após ter largado da 21ª posição (sim, isso mesmo, a penúltima).

Veja o resultado da corrida em Doha:

Veja a classificação do campeonato:

A MotoGP volta no dia 18 de abril, com o GP de Portugal, no Algarve. No Brasil, a transmissão acontece ao vivo nos canais FoxSports (que agora faz parte do grupo ESPN).

fotos: divulgação

Compartilhar

Marcelo Souza

Autor, Editor e Administrador do site MotoNews Brasil, formado em Ciências Contábeis, apaixonado por motos e tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo made with DesignEvo