Scooter ou smartphone? BMW propõe moto elétrica conectada para o futuro

Compartilhar
A BMW aparesentou o conceito Link, uma moto elétrica e conectada, que mais se parece uma mistura entre scooter e moto.

Com funções de dar inveja a um smartphone da atualidade, o modelo teria acesso a agenda do dono para escolher as melhores rotas para algum compromisso e até selecionar músicas ao gostos do usuário.

As baterias ficam localizadas no assoalha, enquanto o motor elétrico e compacto está na roda dianteira. Desse modo, sobra espaço embaixo do assento para levar capacete ou bagagens, nada que seja novidade para um scooter, porém, a abertura do compartimento e lateral e totalmente high-tech.

De acordo com a montadora, a pilotagem do scooter é fácil e ele tem até marcha ré, algo incomum para motos, auxiliando na hora de manobrar. O banco também possui uma série de ajustes para se adequar ao usuário.

O modelo não possui um painel propriamente dito, com as informações de velocidade, status da bateria e navegação sendo projetadas no para-brisa, diretamente no campo de visão do usuário.

Mas embaixo do guidão está a central de comando com tela sensível ao toque, que permite até a comunicação com outros veículos, além de funções de entretenimento. Também é possível transferir comando para botões no guidão, para que o piloto possa controlar sem tirar as mãos do guidão.

Você pode conferir mais detalhes nesse vídeo:

Compartilhar
Logo made with DesignEvo