LiveWire, a moto elétrica da Harley-Davidson, é lançada por US$ 29,8 mil

Compartilhar

A Harley-Davidson acabou de lançar, nos Estados Unidos, a sua primeira moto elétrica, chamada de LiveWire, com preço local na pré-venda de US$ 29.799 (ou aproximadamente R$ 111 mil).

De acordo com a marca, essa é a primeira de uma linha totalmente elétrica, e que oferece aceleração emocionante, manuseio ágil, materiais e acabamentos premium e um conjunto completo de ajudas e interfaces eletrônicas para uma experiência totalmente conectada.

harley davidson livewire

A LiveWire 2020 acelera de 0 a 100 km/h em aproximadamente 3,5 segundos e possui uma autonomia de 110 milhas (177 km) com apenas uma carga. Como não possui embreagem ou marchas, basta apenas girar o acelerador para arrancar, com torque instantâneo.

De acordo com eles, essa moto foi feita para ser divertida de guiar, com um centro de gravidade extremamente baixo, devido ao posicionamento de seu motor e bateria. Além disso, conta com controles eletrônicos, como o ABS de curva e controle de tração, entre outros.

Além da LiveWire, a marca também apresentou dois conceitos totalmente elétricos. São uma espécie de bicicleta elétrica, com propostas distintas.

Uma, chamada de “fuelu”, apresenta características para uso urbano, com assento largo, centro de gravidade baixo e pneus street largos. Nesse conceito, o que seria as pedaleiras são uma espécie de prancha, parecido com skate.

harley davidson conceito fuelu
Harley-Davidson conceito “fuelu”

A outra, chamada de “fuelx” tem características off-road, com assento estreito, suspensões elevadas, boa distância livre do solo e pneus off-road.

harley davidson conceito fuelx
Harley-Davidson conceito “fuelx”

Como são conceitos, as versões de produção podem variar e ainda não há data para lançamento.

fotos: divulgação

Veja também os Mais Populares:

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logo made with DesignEvo