Fiat Argo é lançado com 3 opções de motor e outras 3 de câmbio

A Fiat lançou o Argo, hatch compacto que chega como substituto do Punto e do Bravo, mas vai competir diretamente com os líderes do mercado, Chevrolet Onix e Hyundai HB20. Com 3 opções de motores e 3 de câmbio, os preços vão de R$ 46.800 a R$ R$ 70.600.

O modelo será oferecido com três motores e duas opções de câmbio. O 1.0 de três cilindros Firefly tem 77 cavalos, e só pode ser equipado com a transmissão manual de 5 marchas. Já o 1.3, também Firefly, tem 109 cv, e pode receber a caixa manual ou a automatizada GSR, ambas de 5 marchas.

Por fim, o motor 1.8 EtorQ tem 139 cv e pode ser “casado” com uma transmissão manual de 5 velocidades ou com um câmbio automático de 6 marchas.

Nas medidas, o Argo tem 4 metros de comprimento, 2,52 m de entre-eixos, 1,72 m de largura e 1,50 m de altura. No porta-malas, vão 300 litros, e o tanque comporta 48 litros de combustível.

Como comparação, o Chevrolet Onix, que deve ser um dos principais rivais do Argo, tem 3,93 m de comprimento, 2,52 m de entre-eixos e 280 litros de capacidade no porta-malas.

Aliás, a própria Fiat afirmou que o objetivo do Argo é desbancar o Onix e o Hyundai HB20 e ser líder de vendas – a marca também espera recuperar a liderança do mercado, perdida para a GM em 2016.

Um dos destaques é a central multimídia com espelhamento com Android Auto a Apple CarPlay. É o primeiro carro da Fiat no Brasil com este tipo de conectividade. O modelo também terá quadro de instrumentos configurável e start-stop (que desliga o carro ao parar em semáforos ou no trânsito) em todas as versões.

No interior, o destaque no desenho são as três saídas de ar no centro do painel.

A versão de entrada é equipada com motor Firefly 1.0 de 3 cilindros, que desenvolve até 77 cavalos. O câmbio é manual de cinco marchas. Entre ositens de série há direção elétrica, ar condicionado, quadro de instrumentos com display digital, banco do motorista com ajuste de altura, cintos de segurança retráteis de três pontos para todos os ocupantes, sistema Start&Stop, fixação Isofix, vidros e travas elétricas.

O Argo Drive 1.3 manual tem o novo motor Firefly 1.3 de 109 cv, também acoplado a transmissão manual de cinco marchas. Adiciona à versão 1.0: sistema de monitoramento da pressão dos pneus, central multimídia de 7 polegadas, com tela sensível ao toque e espelhamento com os sistemas Apple CarPlay e Android Auto, volante com comandos do rádio e 2ª porta USB para o passageiro traseiro.

Além da transmissão automatizada de 5 marchas, o Argo GSR tem controles de tração e estabilidade e sistema Hill-Holder, que evita que o carro se mova em breves paradas com inclinação, controle de velocidade de cruzeiro, apoia braço para o motorista, vidro elétrico traseiro e retrovisores externos elétricos com função tilt down e repetidores laterais.

O Argo Precision 1.8 conta com motor 1.8 de 139 cv acoplado à transmissão manual de cinco marchas. Na lista de itens de série, além dos itens da Drive GSR, há alarme antifurto, faróis de neblina, faróis com luz de posição a LED, rodas de liga leve com aro 15 e banco traseiro bi-partido.

Argo HGT 1.8. Esta é a versão com apelo esportivo. O conjunto mecânico é o mesmo da Precision, mas com visual mais agressivo. Entre os itens de série, há quadro de instrumentos de7 polegadas personalizável, grade dianteira inferior com acabamento vermelho, spoilers no para-choque, moldura preta na parte inferior da lateral e nas caixas de roda, ponteira de escapamento trapezoidal cromada, rodas de liga leve aro 16 e uma calibração de suspenção mais esportiva. Neste caso, o controle de estabilidade é mais permissivo.

Logo made with DesignEvo